Você sabia que esta síndrome afeta a forma como o ser humano percebe o mundo e a maneira como interage com as outras pessoas?

Talvez você conheça alguém com Asperger e não saiba.

Grandes gênios da humanidade como Van Gogh, Albert Eistein, Ludwig van Beethoven, Steven Spielberg, Woody Allen, Bill Gates e Leonel Messi, são alguns exemplos, que se destacaram por sua genialidade e apresentaram características marcantes ao longo da vida.

A Síndrome de Asperger (S.A), é um tipo de autismo e não está associada à deficiência intelectual, podendo ter pouco ou nenhum comprometimento cognitivo.

As pessoas veem, escutam e percebem o mundo de forma diferente. A capacidade de comunicação, socialização e comportamento apresentam prejuízos, porém não tão severos e evidentes.

A seguir algumas caraterísticas comuns que podem auxiliar na identificação da síndrome:

👉 O Hiperfoco
👉 A Hipersensibilidade Sensorial
👉 A Dificuldade de Comunicação e Linguagem
👉 Alteração no Contato Visual
👉 Dificuldades Sociais
👉 Forte resistência a mudanças
👉 Dificuldade em compreender e controlar as emoções
👉 Atraso na Coordenação Motora

Lembrando que uma ou outra característica não é suficiente para se atribuir o diagnóstico de Síndrome de Asperger, mas o conjunto desses aspectos deve ser avaliado por um especialista da área de saúde mental, considerando a gravidade, intensidade e frequência desses prejuízos no desenvolvimento do indivíduo.

O prognóstico da síndrome é favorável quando é precoce e conta com as intervenções adequadas de um atendimento multidisciplinar, treino de habilidades sociais, compreensão e apoio por parte da família e amigos.